Parque Nacional de Aparados da Serra


Rota: Porto Alegre (RS) / Osório (RS) / Terra de Areia (RS) / Três Cachoeiras (RS) / Mampituba (RS) / Praia Grande (SC) / Cambará do Sul (RS) / Tainhas (RS) / Terra de Areia (RS) / Osório (RS) / Porto Alegre (RS)

Distância percorrida: 490 km [tracklog]

Localizado na fronteira dos estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, o Parque Nacional de Aparados da Serra tem como objetivo básico a preservação dos ecossistemas da mata atlântica, das florestas de araucária e do pampa gaúcho. O destaque do parque é o Cânion do Itaimbezinho (do Tupi-Guarani: Ita = pedra, Aí’be = afiado), formação que possui 5,8 quilômetros de extensão, largura máxima de 2 quilômetros e altura máxima de cerca de 700 metros.

O caminho natural para a região dos Aparados da Serra, saindo de Porto Alegre (RS), é a RS-020 – mas quem disse que o asfalto é o melhor caminho? Em vez de chegar lá pela serra, optamos por seguir até Praia Grande (SC) e de lá subir a SC-450/RS-427 até a entrada do parque, caminho que se revelou tão bonito quanto complicado por conta das pedras soltas. Na volta, descemos a serra pela Rota do Sol (estrada cantada aqui em prosa e verso) e, noite fechada, percorremos os 150 km de BR-101 e BR-290 que nos separavam de nossas casas.

Gracias pela parceria, bugrada!

    REDES:  

  • rss
  • youtube
  •  
  • PESQUISAR NOS ARQUIVOS: